Coder oferta oportunidade de trabalho renda e ressocialização aos reeducando de bom comportamento

Geral - SICIALIZAÇÃO

Redação 17 acessos



Cerca de 70 reeducandos de bom comportamento que cumprem penas nos presídios feminino e masculino de Rondonópolis continuam sendo beneficiados com o convênio firmado entre a Prefeitura, SEJUDH, CODo Pátio é um dos grandes defensores desse convênio, pois por meio dele estamos dando uma nova chance, novas oportunidades: profissional, moral e ética a essa pessoa que deseja seguir em frente trilhando os caminhão da retidão de caráter”, declarou Oderly Xaxim, Diretor do Departamento de Urbanismo da Coder , responsável direto pelos serviços desenvolvidos pelos reeducandos.

Os beneficiados com o convênio estão trabalhando na limpeza das ruas e avenidas da cidade; no plantio de gramas nos canteiros públicos e na instalação dos jardins sensoriais nas escolas da rede municipal de ensino de Rondonópolis, somente.

Esse importante convênio teve início em julho do ano passado e tem duração de dois anos, podendo ser revalidado por igual período. Por esse projeto social, já passaram homens e mulheres, sendo que 10% desses 70 reeducandos já ganharam liberdade e não voltaram a reincidir.

O beneficiado tem salário e redução na pena. Para cada dia trabalhado, dois são reduzidos em seu período de prisão. Parte do salário que recebe vai pra sua família, uma outra parte fica numa espécie de poupança – valor que será resgatado quando da sua liberdade- e o restante fica à disposição do reeducando trabalhador.

“Esses homens e mulheres não nos dão trabalho. São esforçados e cumprem as metas diárias a que lhes são confiadas. Estão aqui por merecimento. E o que depender a prefeitura e de nós da Coder, vamos ajuda-los a ter uma vida de retidão e de emprego”, encerou Xaxim.

Comente, sua opinião é Importante!