CHUVA DE VISITAS DE DEPUTADOS FEDERAIS NA CIDADE

Política

Redação 55 acessos



Vislumbrando o panorama político desta edição, marcaram presença recente em Rondonópolis, o deputado federal Tampinha, que em visita a Câmara Municipal trouxe para a cidade o inédito “Projet

rincipalmente as escolas. O ex- deputado federal e atual Secretário do Ministério da Agricultura Neri Geller trouxe uma verba através de convênio da ordem de 1 milhão de reais para a agricultura familiar. O deputado federal Nilson Leitão (PSDB) em audiência com o prefeito Zé Carlos anunciou recursos para Rondonópolis da ordem de 50 milhões de reais através da bancada mato-grossense composta pelos 11 parlamentares.
O deputado Federal Carlos Bezerra (PMDB) oficializou o credenciamento da UTI neonatal junto ao SUS, em visita no finalzinho ano passado.
Mas Rondonópolis está carente de deputados no âmbito federal, abriu-se uma verdadeira clareira na “mata” da política rondonopolitana no que tange as lideranças no setor. Parlamentares de outras cidades como o deputado federal Tampinha, o ex deputado federal Neri Geller hoje Secretário do Ministério da Agricultura, e o deputado federal Nilson Leitão (PSDB) não perderam tempo em anunciar apoio a cidade e ao prefeito Zé Carlos do Pátio. Por traz destas visitas que trazem as boas novas a nossa cidade, estão outros interesses, então perguntamos:
“Por que será que essas visitas estão sendo intensificadas nesse período, quais seriam os outros motivos?” Um deles nós podemos ter a certeza que vamos acertar, é um ano político, está se aproximando as eleições.
Hoje na cidade os nomes que se tem estão desconectados da vida pública, a exemplo do ex-deputado estadual J. Barreto, que foi filmado e delatado pelo ex- governador Silval Barbosa (PMDB), agora seria a vez dele conquistar o seu espaço no âmbito federal. Outro líder forte em nossa cidade é o deputado federal Adilton Sachetti que pela grande votação que obteve em Rondonópolis nas últimas eleições poderia ter dado mais atenção ao município. Na última semana, por exemplo, foi noticiado pela imprensa mato-grossense que o deputado Adilton destinou uma emenda parlamentar para outro estado da federação da ordem de 1 milhão de reais à um hospital de São Paulo, que gerou uma insatisfação geral por parte da sociedade.
O partido Solidariedade (SD) pretende lançar candidaturas próprias para federal e estadual, vários nomes estão sendo cogitados pela militância a fora. Como exemplo citamos o nome da primeira dama Neuma de Moraes, do médico Hélio Garcia Neto, Valdir Correia presidente municipal da sigla bem como seus vereadores pelo estado afora. Outro fator relevante é a boa perspectiva com a possível vinda do ex-deputado Wilson Santos, se concretizada fortalecerá o partido em toda a região sul. Haveria uma integração entre a nossa região e a capital Cuiabá. Sem dúvida uma grande sacada política partidária. É aguardar para ver como ficará o panorama político da cidade.

Comente, sua opinião é Importante!